segunda-feira, 9 de abril de 2012

Tradições da Páscoa

Portugal é rico em tradições gastronómicas. Nas festas da Páscoa organizadas pela minha minha mãe, não pode faltar o folar de Valpaços, mais associado, por mim, a uma bôla de carnes (enchidos) que se misturam numa massa e se deixa levedar, pedindo aos santinhos que a aumentem de tamanho, para alimentar os comensais da casa. Este ano fomos passar a Páscoa na terrinha, nos Cunqueiros (Castelo Branco) e, para além das delícias gastronómicas, também nos deliciámos com as cerejeiras em flor (algumas já com pequenos frutos) e com os quintais deliciosamente carregados das mais belas flores que a Primavera nos pode oferecer. E entre repastos deliciosos, deleitámo-nos também com a beleza dos dias de Sol. Em Junho lá estaremos de volta, para comer aqueles deliciosos frutos vermelhos...

Folar de Valpaços (receita de uma amiga transmontana)


Ingredientes (rendeu três bôlas pequenas):

2 Kg de farinha de trigo
16 ovos
250 gramas de azeite
250 gramas de margarina
1 colher (sopa) de sal
50 gramas de fermento de padeiro
cerca de 750 gramas de carne de porco (enchidos, usei chouriço, bacon, chourição, presunto)

Fiz assim:
Numa tigela juntei o fermento esfarelado com um pouco de farinha e água morna e deixei levedar durante cerca de 30 minutos. Entretanto juntei o azeite, a margarina e o sal num tacho e levei ao lume fraco para derreter a manteiga. Juntei depois os ovos previamente batidos e coloquei uma bacia larga. Misturei bem e juntei o fermento. Adicionei a farinha necessária até poder amassar (deve ficar como a massa de pão). Amassei bem e formei uma bola. Tapei a bacia com um pano e depois com uma manta. Deixei a levedar até duplicar de volume (o tempo depende da temperatura ambiente). Untei umas formas com manteiga e tendi a massa, dividindo-a em três partes. Abri cada pedaço de massa e recheei com os enchidos cortados aos pedaços. Fechei a massa sobre a carne, formando pães redondos (mas podem fazer em tabuleiros quadrados ou rectangulares). Ficou novamente a levedar, para aumentar mais um pouco de volume e foi ao forno a lenha, até estarem bem cozidas. Demorou cerca de 1 hora. Deixei arrefecer e servi cortado às fatias (bem, eu confesso que não deixei arrefecer antes de provar).




Uma excelente semana.




___

2 comentários:

  1. Tradições deliciosas e de manter!

    Continuação de uma Páscoa feliz.

    ResponderEliminar

Deixem aqui os vossos comentários porque são vocês que completam esta cozinha. Beijos e obrigada.